Fadas e Madrinhas reais

E o que seria das nossas vidas se não acreditássemos nas fadas e nos nossos sonhos? Por mais que humanidade evolua na tecnologia e na ciência, no fundo, o que continua sendo importante para nós é somente aquilo que toca o nosso coração. E felizmente, isso independe de classe social ou posição ideológica, basta estar aberto à magia que é se permitir ver as pessoas com empatia, amor e solidariedade. Por isso, sempre agradeço muito às oportunidades que recebo e que me permitem praticar todas essas coisas que nos aproximam da nossa verdadeira essência humana.

E foi assim, de coração aberto, que participei mais uma vez do lindo Projeto Fadas Madrinhas, que realiza o Baile de Debutantes adolescentes carentes, todos pacientes do Hospital do Câncer em Barretos, interior de São Paulo. Por estar me recuperando de uma questão de saúde, não pude estar presente ao evento e, talvez, por esse fato eu tenha me emocionado ainda mais. Mesmo de longe acompanhei por meio da minha equipe a produção das meninas e meninos que participaram dessa linda festa comandada pela empresária Liliane Barros Marty Caron.

Nessa oitava,  o projeto reuniu apoiadores que contribuíram de diferentes formas para a realização do evento. A dupla estrelada do Youtube Lu e Robertinho animou a festa, que teve decór de Roni Vieira e cerimonial de Suzana Freire e Ana Araújo. Os debutantes foram vestidos pelo estilista Marco Castioni e com as coroas da minha coleção. O buffet ficou a cargo de Danilo Borges, com drinks da Flairs Bartenders, doces de Marina Magalhães e bolo de Andréia Fernandes Costa e Dona Baunilha.

Para abrilhantar ainda mais a festa, artistas e personalidades como Paulo Dalagnoli, Carla Prata, Danny Pink, as duplas Pedro Paulo a Alex, e Augusto e Atílio, os influencers Gustavo e Tulio Rocha marcaram presença. O som ficou por conta do DJ Guga Guizelini e um super show surpresa. Enfim, uma turma do bem, que se mobilizou para proporcionar alegria a esses jovens que passam ou já passarem por tratamentos contra o câncer. 

Todo o projeto, que já impactou a vida de mais de 500 adolescentes, é mantido através de ações solidárias como jantares, bazares, rifas e apoio de amigos, voluntários e simpatizantes à causa. O projeto chega a receber mais de cinco mil cartas por ano, e a dura tarefa tem sido escolher, entre tantas histórias, quais as selecionadas. Praticamente, em todas as cartas, os jovens falam da importância de não desistirem dos próprios sonhos, apesar de demonstrarem todas as dificuldades do seu dia a dia e a luta pela superação.

Se tudo isso também comove o seu coração, eu convido você  a conhecer mais sobre o Fada Madrinhas e, quem sabe, contribuir de alguma forma e se unir a essa turma a qual eu me orgulho em fazer parte. Fica o convite, meninas!

Beijo, beijo!

Miguel Alcade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *